os ramos e os enxertos da árvore que nenhuma botânica menciona, a genealógica

by catarina clemente

“Um dia teria de chegar em que contaria estas coisas. Nada disto tem importância a não ser para mim. Um avô berbere, um outro avô posto na roda (filho oculto de uma duquesa, quem sabe?), uma avó maravilhosamente bela, uns pais graves e formosos, uma flor num retrato – que mais genealogia me importa? a que melhor árvore poderei encostar-me?”

– José Saramago, “A Bagagem do Viajante”

Advertisements