quem és?

by catarina clemente

[já aqui referi a importância do auto conhecimento. o assunto interessa-me e hoje volto a ele, motivada por uma mensagem gentilmente enviada pela leitora g. h. o texto que se segue é uma adaptação livre de isabelle filliozat em”l’année du bonheur”.]life whispersa felicidade está associada à satisfação que resulta de viveres de acordo com aquilo que realmente és, com os teus próprios recursos, com a tua própria história, com tudo que faz de ti um ser único e sem igual.

e no entanto, tudo à tua volta está organizado para te fazer esquecer quem és. deves vestir de acordo com a tendência (!) – nem que para isso tenhas de desrespeitar as formas do teu  corpo. convém que tenhas um carro topo de gama e uma casa com suite, closet e ilha na cozinha (também já pensei assim). é importante que tenhas um emprego com um certo status (!) – mesmo que ele te faça sentir miserável, que lutes pela progressão na carreira e que aspires, sempre, ao cargo de diretor. é conveniente que não fiques atrás dos vizinhos, que mantenhas as aparências e que obedeças às convenções sociais. e a verdade é que entre o emprego, os transportes, as crianças, o supermercado, a casa e milhentas outras solicitações externas, pouco tempo e energia te resta para descobrires quem és quanto  mais para pensares se a vida que estás a viver é a tua ou a que deixaste que escolhessem por ti.

então pára, desliga os ruídos à tua volta e pensa. observa, presta atenção, afina os  sentidos; opõe-te e afirma-te. deixa de tentar ser como os outros e procura o teu lugar no meio dos outros. descobre quem és e luta pela liberdade de seres tu.

Advertisements