descascar batatas e outras questões existenciais

by catarina clemente

quantas vezes dás por ti a chegar ao emprego sem te lembrares de grande parte da viagem? quantas vezes te surpreendes em “piloto automático”, a executar tarefas mecanicamente, enquanto a tua mente anda perdida em pensamentos, projetos, ansiedades, medos e preocupações? a ruminar o passado ou a antecipar o futuro, enquanto deixas que o presente passe por ti sem lhe prestares grande atenção?
uma vez li que “ser zen não é meditar enquanto descascas batatas. ser zen é simplesmente descascar as batatas.” zen ou não, prestar atenção a cada momento, estar plenamente presente, até nas tarefas mais rotineiras, tem um efeito curativo e restaurador.
zen

Advertisements