chá

interiors. ideas. emotions. life.

Category: Food Memories

a receita

usei esta receita, com pequenas alterações: dupliquei as quantidades, usei formas de 20 cm e alterei ao aspeto da cobertura. resultado: a massa do bolo fica parecida com a do bolo de arroz, bastante amanteigada, mas mais húmida e com bastante sabor a limão. a acidez das framboesas equilibra os sabores e o lemon curd é, para mim, a cereja (literalmente) no topo do bolo. recomendo. claro que nem tudo correu bem: o chantilly não ficou tão sólido quanto o desejado e a lalaloopsy aterrou de cabeça no recheio. apesar disso exatamente por isso, ficou perfeito! :)lalal(oops)yan acute case of  conjunctivitisthe making oflalaloopsya receita

4 de 52

segunda de manhã: um corte novo para o scott.
sexta à noite: um bolo de abóbora.esta receita, ligeiramente adaptada.
sábado, ao pequeno almoço: iogurte para duas. para ela, só com linhaça.
todos os dias, mais que uma vez: earl grey.
4 de 52

don’t miss the point

“living the slow life is not about finding methods to save time, it is about discovering new ways to appreciate and enjoy time”

–  jorg&olif the slow life company
life

bits & pieces

uma tarte de abóbora e amêndoa e um pão de passas. ambos feitos pela minha mãe. um esquisso da graça, para a parede de um quarto que anda a desenhar-se na minha imaginação. earl grey, porque o aroma de bergamota nunca cansa. amêndoa amarga com gelo e limão, porque a casa é tão quente que mesmo em dias frios continua a apetecer bebidas frescas.tarte de abóbora e amêndoapão de passastodo o tempo do mundo by graça pazearl grey. always.amêndoa amarga com gelo e limão

míscaros 2012

risotto de míscaros até pode estar na moda mas cá por casa continuam a comer-se à boa velha maneira: com carne entremeada e chouriça e arroz de forno a acompanhar.
míscaros 12IMGP2405t

21.09.2012

vindimou-se o branco. nós chegámos a tempo do almoço.engaço

utensílios

vinho

uvas

lagar

pão

patos

mesa

feijoada

IMGP2282

maria albertina

carmo & sofia

carmo e o tanque

carmo e os patos

sunday breakfast

a tarte de nata que saiu do forno à 1 da manhã (metade da qual desapareceu misteriosamente enquanto eu dormia!) e café forte para espevitar.

e a propósito de começar bem o dia, vale a pena pensar nisto:

“The first thing you do when you sit down at the computer

Let me guess: check the incoming. Check email or traffic stats or messages from your boss. Check the tweets you follow or the FB status of friends.

You’ve just surrendered not only a block of time but your freshest, best chance to start something new.

If you’re a tech company or a marketer, your goal is to be the first thing people do when they start their day. If you’re an artist, a leader or someone seeking to make a difference, the first thing you do should be to lay tracks to accomplish your goals, not to hear how others have reacted/responded/insisted to what happened yesterday.”

– seth godin’s blog

maizena duryea

maizena duryea: a alimentar crianças (e adultos gulosos) desde 1856. hoje, ao pequeno almoço – com muita canela e chá de cidreira.

para quem gostar de ver pequenos almoços realmente bem documentados, diariamente, vale a pena espreitar este blog que descobri através da fiona.

food memories from 2011

tenho gostado tanto dos posts da sandra, que não resisti a também compilar algumas imagens minhas.

[um dia feliz. chegados do hospital, fizémos um lanche. abacate com mel, framboesas e queijo fresco.]

[paródia com os sobrinhos: preparámos e comemos cheesecake juntos.]

[alegria no chá das primas: chá,  cupcakes de maçã, queijadas, ovos moles e um bolo de chocolate delicioso feito pela daniela.]

[uma refeição de marisco preparada pelo pedro. no limiar da perfeição.]

[de férias no gerês. grelhar peixe, mergulhar na água fresca do rio e almoçar de biquini.]

 [dia de geocaching e um dos nossos pratos favoritos: enguias de escabeche.]

[pausa para café e pana cotta num dos passeios mais bonitos que demos em 2011.]

recordar o que comemos é uma boa forma de lembrar onde estivemos, com quem e como nos sentimos. em 2012 vou lembrar-me de fotografar mais refeições.